• ComunicaPR

Lições em comum entre a Relações Públicas e as formigas


O serviço dentro de uma agência de Relações Públicas tem como segredo a união da equipe, em que é preciso parceria para desenvolver um trabalho e uma comunicação 360º. Assim como no formigueiro, na agência acontece um trabalho planejado, em que é desenvolvida a comunicação corporativa focando todos os níveis: relacionamento com o jornalista/influenciador ou público-final, por meio da divulgação de conteúdos relevantes que aperfeiçoam e destacam o trabalho do cliente.


As formigas são símbolo de um trabalho em equipe que funciona. Elas se juntam para buscarem comida, construírem suas casas e para protegerem seu lar, sempre otimizando tempo e estabelecendo estratégias. Seguindo essa linha, está o RP que, por meio de um planejamento e um trabalho gradual, insere o nome do cliente/empresa na mídia de forma estratégica, formando correntes para ajudar o grupo a impulsionar a imagem do cliente/empresa diante dos principais veículos e do público-alvo.

Às vezes, a tecnologia se inspira na natureza, mas não só grandes empresas de engenharia usufruem dessa visão, o ambiente corporativo também pode agregar os ensinamentos vistos no trabalho de equipe das formigas.


Confira três lições em comum entre o trabalho do Relações Públicas e das formigas: Comportamento de cooperação

Assim como o comportamento cooperativo das formigas é a base da sua sobrevivência, no escritório do Relações Públicas ele é parte fundamental. A equipe deve estar ciente sobre as especialidades de cada cliente. Se o cliente for um dermatologista, deve buscar e filtrar as informações relevantes sobre o assunto e apresentá-lo como sugestão de especialista para os principais veículos e os segmentados. A cooperação está dentro do ambiente de trabalho, mas também nos veículos. O profissional deve buscar o contato com jornalistas, influenciadores, profissionais e colegas para divulgar a pauta e, antes de qualquer coisa, desenvolver um networking.


Adote uma estratégia proposital

No trabalho em equipe das formigas cada uma tem seu proposito para chegar a um resultado final positivo. Isso também acontece na agência de RP, onde é feita uma divisão de atividades entre os membros e com um planejamento estratégico baseado em pautas a serem trabalhadas, além de encontros de relacionamentos, tudo pensado para levar destaque ao nome do cliente.


Comunicação interna e externa

A comunicação interna entre as formigas permite que elas colonizem diversos ambientes com eficiência e proteção. Assim, em uma agência, a comunicação interna pode prever ou evitar uma crise. Por exemplo: quando o social media percebe uma reação negativa do público no Facebook, avisa ao cliente e ao assessor que desenvolve uma estratégia de comunicação 360º, visando a proteção e melhoria da percepção pública sobre a marca e a empresa.


Por isso, o profissional alia conhecimento de mercado e inteligência em Relações Públicas para auxiliar departamentos de comunicação e marketing de empresas a endereçar da forma devida as mensagens institucionais.

© 2020 POR COMUNICAPR Granja Viana - São Paulo - Brasil

  • Preto Ícone LinkedIn
  • Instagram Basic Black
  • Facebook Basic Black